terça-feira, 30 de março de 2010

O LEÃO DA MONTANHA
Produzido pelos Estúdios Hanna-Barbera, O Leão da Montanha estreou em
1960 nos EUA, dentro do Show do Zé Colméia. Até então, ele tinha
aparecido na TV apenas como coadjuvante em desenhos do Pepe Legal.

O Leão da Montanha é um simpático felino rosa que se veste com punhos e
gola de uma camisa antiga, além de uma inconfundível gravata. Quando
estreou na telinha em 1960, em um desenho do Pepe-Legal, atuou como um
fora-da-lei: um ladrão de ovelhas que enfrentava o protagonista. Depois
de ganhar traços mais angulares e se tornar de boa índole, o personagem
voltou em 30 de janeiro de 1960, no Show do Zé Colméia, como já dito.
Mas foi só em 1961 que ganhou seu próprio segmento dentro do programa
do companheiro de Catatau.



domingo, 28 de março de 2010

O Urso do Cabelo Duro






O URSO DO CABELO DURO
Sinopse:
O aloprado urso Cabeludo vive num zoológico e sua vida é escapar de lá para ver o mundo além muros, para tanto ele conta com a ajuda de seus companheiros ursos Enrolado e Quadrado, isso sem falar na fantástica moto invisível que eles possuem! Mas, para fugir do Zoo, Cabeludo tem de se livrar da implacável vigilância do magrelo Pibby, o responsável pelo Zoo, e seu desajeitado ajudante Botch.

COMENTÁRIO:
a bicicleta invisível foi o que me marcou mais neste desenho!!!
VAMOS RECORDAR!!!!

video

Bibo Pai e Bob filho




Bibo Pai e Bobi Filho é um desenho da Hanna-Barbera que mostra as aventuras vividas pelo Bobi Filho, um cãozinho manso, inteligente e educado, que é um grande admirador de seu pai e demonstra sua admiração sempre que se refere ao pai usando frases como: "O melhor papai do mundo" ou "Meu digníssimo pai".

Pai e filho compartilham de uma grande afeição um pelo outro, mas claro que a diferença de gerações sempre cria conflitos, por menores que sejam. É nesses momentos que Bibo Pai usa uma das suas frases que marcaram bastante esse desenho: "Bobi, meu filho!!!".

O coitadinho do Bob Filho tem sempre que agüentar os incansáveis esforços de Bibo Pai para ensiná-lo lições de vida, mas apesar de toda encrenca em que se metem no final as coisas sempre acabam bem para eles.

Os personagens são semelhantes aos personagens de Spike (aquele cachorro bravo do Tom e Jerry) e Tyke (seu filho)que foi produzido pela Hanna -Barbera durante a sua carreira de animação teatral na MGM nos anos de 1940 e 1950.






COMENTÁRIO:
Eu amava o Bob filho falando do seu paizinho e este por sua vez, extremamente atrapalhado!!
VAMOS RECORDAR!!!!

video

Juca Bala



Juca Bala e Zé Bolha eram integrantes da Turma da Gatolândia, um grupo de gatos criados pela Hanna-Barbera. Estrearam seu próprio show em 1970, com 34 episódios.São desenhos divertidíssimos sobre a tradicional perseguição de um gato sobre um rato, porém com uma enorme diferença, ambos são corredores e suas máquinas de corridas sempre apresentam um segredo em cada curva. Participe dessa hilariante caça ao rato sobre rodas.









COMENTÁRIO:


Me recordo de adorar as perseguições!!




VAMOS RECORDAR!!!!




video

OS FLINSTONES



OS FLINSTONES











Os Flinstones (em inglês: The Flintstones) é uma série de televisão animada produzida pela Hanna-Barbera na década de 1960. O desenho foca uma família de classe média-baixa da Idade da Pedra.




Personagens:






Eles moram em Bedrock, uma cidade com 2.500 habitantes, no ano 1.040.000 A.C.





Fred Flintstone: é o pai da familia flinstons




Wilma Flintstone:esposa de Fred




Pedrita Flintstone: Filha de Fred e Wilma




Barney Rubble: melhor amigo de Fred





Betty Rubble: esposa de barney


Bambam Rubble: filho adotivo de Barney





Pearl Slaghoople: mão de Wilma




Hoppy: trata-se deu um canguro de estimação
COMENTÁRIO:
Era incrível ver um desenho na idade da pedra, muito surreal para uma criança e por este motivo que ele era deslumbrante aos olhos de uma criança!
VAMOS RECORDAR!!!

video

sábado, 27 de março de 2010

Tom & Jerry



TOM & JERRY

Tom & Jerry é uma série animada de curta-metragens criada por William Hanna e Joseph Barbera para a Metro-Goldwyn-Mayer, cujo o tema é a eterna rivalidade entre um gato doméstico (Tom) e um rato (Jerry).
O centro da trama se baseia nas tentativas frustradas de Tom de capturar Jerry.
Tom raramente consegue capturar Jerry, principalmente por causa das habilidades do engenhoso ratinho ou por causa de sua própria estupidez. As perseguições eram eletrizantes e sempre vinham acompanhados por boa trilha sonora. Também eram utilizadas diversas armadilhas e truques que no final não davam resultado satisfatório como bombas e ratoeiras, coisas que eram fundamentais na rivalidade entre o gato e o rato.




Os desenhos de Tom & Jerry tiveram vários formatos durante as decadas que se seguiram:

A Era Hanna-Barbera (1940-1958):
A dupla começou em um curta da MGM chamado "Puss Gets the Boot", que foi para os cinemas em fevereiro de 1940. Neste curta Tom se chamava Jasper e Jerry ainda não tinha um nome. Somente depois os produtores batizaram os personagens de "Tom e Jerry". William Hanna e Joseph Barbera escreveram e dirigiram mais 113 episódios entre 1940 e 1957, quando a MGM Cartoon Studio (local onde os desenhos eram produzidos) foi fechada, causando o fim do desenho original. O último dos 114 episódios foi lançado em 1958. A série original ganhou o Oscar de melhor curta de animação sete vezes.






A Era Gene Deitch (1960-1962):

Em 1960, a MGM decidiu produzir novos curtas de Tom & Jerry, então, o produtor William L. Snyder fez um acordo com o diretor Gene Deitch e seu estúdio, a Rembrandt Films para continuar a produzir o desenho em Praga, na Checoslováquia. Foram ao todo, produzidos 13 curtas pela Rembrandt Films.
Os desenhos produzidos por William Snyder e Gene Deitch foram muito criticados por adotar um formato totalmente diferente da série original, abusando da surrealidade, misturando motion blur com movimentos dos personagens extremante exagerados, adição efeitos sonoros bizarros e utilização excessiva de reverberação, além de diversos erros gráficos.







A Era Chuck Jones (1963-1967):

Depois que o último desenho produzido por Deitch foi lançado, Chuck Jones que tinha sido despedido da Warner Bros. Cartoons após trabalhar lá mais de trinta anos, iniciou o seu próprio estúdio de animação, a Sib Tower 12 Productions com seu amigo Les Goldman. Então, a MGM contratou ele e seu estúdio para produzir os novos desenhos da série. Ao todo, a Sib Tower produziu 34 curtas entre 1963 e 1967.





COMENTÁRIO:

Acredito não existir uma criança que não tenha assistido esse desenho, eu particularmente amo os primeiros, os mais antigos!


VAMOS RECORDAR!!!!





video

quinta-feira, 25 de março de 2010

*NOSTALGIA*





Estamos terminando o mês de MARÇO com os desenhos e séries da déc de 60 e 70, uma pequena fase nostálgica, mas que faz muito bem a alma!!!


Quem viu alguns destes desenhos ou séries, vai se deliciar em recordar com os vídeos postados, é só uma palinha, mas vale a pena matar a saudade!!!

quarta-feira, 24 de março de 2010

THUNDERBIRDS



Thunderbirds

Thunderbirds foi um seriado infanto-juvenil para televisão muito
popular, produzido entre 1965 e 1966 por Gerry Anderson e Sylvia
Anderson. O seriado consistia em animação com marionetes. O casal de
produtores também produziu outros seriados com marionetes como Joe 90,
Capitão Escarlate, Stingray e Fireball XL-5.

As máquinas mais conhecidas, que apareceram no seriado, foram:

Thunderbird 1 - era uma nave que decolava como foguete, de baixo da
piscina que se abria, mas voava como avião e era usada para ir na
frente preparando a chegada dos equipamentos de resgate. Seu piloto era
Scott Tracy;

Thunderbird 2 - a nave de carga que levava os equipamentos para o local
de ação, inclusive carregava frequentemente o Thunderbird 4 e/ou a
"Toupeira". Ele era pilotado por Virgil Tracy;

Thunderbird 3 - era um foguete, que decolava em meio a um prédio, usado
em missões no espaço. O astronauta que o pilotava era Alan Tracy;

Thunderbird 4 - um pequeno submarino, para missões no fundo do mar. Seu
piloto era Gordon Tracy;

Thuderbird 5 - era uma estação espacial para monitorar as comunicações
da terra. Seu controlador era John Tracy;

Toupeira (do original "Mole") - era um engenho mecânico, capaz de
perfurar o solo para missões em baixo da terra.

Todas estas máquinas eram fruto da genialidade do engenheiro Brains,
personagem que usava óculos "fundo de garrafa". A sequência de
lançamento de cada uma das naves era deliciosa, incluindo
escorregadores e rampas de lançamento, sempre com a música tema ao
fundo.
Um outro personagem importante da trama é Lady Penelope, a agente de
Londres, sempre com seu mordomo e motorista Parker (um ex-ladrão que de
vez em quando voltava às velhas práticas), normalmente em aventuras a
bordo de um incrível Rolls-Royce futurista de seis rodas chamado Fab-1.
Frequentemente o resgate internacional envolvia-se nas tramas armadas
pelo seu arqui-inimigo, cujo nome era Hood. Hood, que é irmão de
Kyrano, tinha poderes hipnóticos e era um mestre dos disfarces.
Também houve dois longa metragens para cinema, intitulados Thunderbirds
are go e Thunderbirds 6, produzidos em 1966 por Sylvia Anderson, usando
também marionetes e maquetes como na televisão. Finalmente, em 2004 foi
lançada uma reedição de Thunderbirds are go, desta vez com atores de
verdade e efeitos de computador.
COMENTÁRIO:
Na verdade eu era muito pequena e via esse seriado com o meu irmão mais velho, mas nunca esqueci!!!
VAMOS RECORDAR!!!!

video

terça-feira, 23 de março de 2010

Zé Buscapé



ZÉ BUSCAPÉ
Zé Buscapé é um desenho animado produzido por Hanna-Barbera em 1965.
Uma família de ursos caípiras muito engraçada, tem 4 membros: O pai Zé Buscapé, a mãe Bié Buscapé e os filhos Florzinha e Chapéuzinho.

Zé Buscapé sempre resmungando, se encontra deitado em uma rede,dormindo, Bié, sua esposa, sempre reclama da preguiça de seu marido, e sempre o acorda falando "Acorda Zé!"

Zé acordava sempre resmungando, usava sempre o bordão: "@%#%@%",afinal ninguem entendia bem o que ele falava!
COMENTÁRIO:
Este desenho nem preciso comentar, eu AMAVAAAAA!!!!
VAMOR RECORDAR!!!!

video

Lippy & Hardy



Lippy & Hardy


Lippy era um leão, andando sempre na companhia de seu amigo Hardy, uma
hiena pessimista.A série foi produzida em 1962 por Hanna-Barbera e era
um dos segmentos do programa "The Hanna-Barbera New Cartoon Series". Os
outros desenhos eram a série com o Crocodilo Wally e a Tartaruga
Touché.



Os episódios contavam as aventuras da dupla, salientando sempre o
pessimismo de Hardy, que nunca ria. O otimista Lippy tentava animá-lo
("Calma, Hardy!"), mas Hardy sempre saía com "Eu sei que não vai dar
certo... Oh, dia, oh, céus, oh, azar

COMENTÁRIO:

Eu ficava imprecionada com a hiena que estava sempre triste, achava que tudo ia dar errado, nunca esqueci da frase dela, se tornou um bordão em minha vida até hoje..."Ó VIDA Ó DOR!"

VAMOS RECORDAR!!!!

video

segunda-feira, 22 de março de 2010

Os Jetsons




THE JETSONS



The Jetsons (em português Os Jetsons) foi uma série animada de televisão produzida pela Hanna-Barbera de 1962 a 1963, exibida no Brasil pela TV Excelsior, e depois de 1985 a 1987, exibida pelo SBT.
Essa série introduziu no imaginário da maioria das pessoas o que seria o futuro da Humanidade: carros voadores, cidades suspensas, trabalho automatizado, toda sorte de aparelhos eletrodomésticos e de entretenimento, robôs como criados, etc.


OS PERSONAGENS:



George Jetson, o "Fred Flintstone do fututro". - Precisa dizer mais alguma coisa?

Jane Jetson, a senhora Jetson.

Judy Jetson, a filha de George e Jane.

Elroy Jetson, filho mais novo dos Jetsons

Rose Rose, a empregada robô da família.

Sr. Spacely, chefe de George Jetson.

Astro Astro, o cachorro dos Jetsons, famoso em levar o chinelo de George quando o mesmo chega do trabalho e se deita em sua poltrona futurista.

COMENTÁRIO:
Adorava esse desenho me fazia pensar se o futuro seria como mostrava no desenho, coisas de criança!!!
VAMOS RECORDAR!!!!



video

Wally Gator



WALLY GATOR


Wally Gator, um simpático jacaré, surge na abertura do desenho esquiando por entre os pântanos. Mas na verdade suas história se passam dentro do zoológico da cidade, numa piscina com cadeira e tudo. Mas Wally se sente deprimido com aquela vida e passa querendo viver no mundo lá fora. Suas inúmeras e criativas tentativas de fuga quase sempre não dão certo, pois sempre esbarra no guarda Twiddle ou ele mesmo desiste e volta para sua jaula.


COMENTÁRIO:

Até me emociono ao rever este desenho, foi dificil de encontrar, mas quem viu, jamais esqueceu!!!





VAMOS RECORDAR!!!


video

domingo, 21 de março de 2010

TOP CAT




MANDA CHUVA

Top Cat (no Brasil Manda-Chuva) é uma série de desenho animado que foi produzida pela Hanna-Barbera entre 1961 e 1962. O desenho conta a história de um gato de rua que mora num beco de Manhattan, na cidade de Nova York.

Os temas dos episódios são inspirados nas trapalhadas em que Manda-Chuva se envolve com sua gangue de gatos (Bacana, Espeto, Gênio, Chu-Chu e Batatinha) e nas tentativas que o policial, o Guarda Belo, faz para que Manda-Chuva pare com suas peripécias.

COMENTARIO:
Manda chuva é um gato super esperto, mas que as vezes dá suas mancadas.Com a ajuda de uma turminha de gatos que vive num beco, eles levam a vida numa boa, irritando o guarda da região.
Eu adorava este desenho!!
VAMOS RECORDAR!!!!

sábado, 20 de março de 2010

Esquadrilha Abutre






ESQUADRILHA ABUTRE

A série animada da Hanna-Barbera Dastardly and Muttley in the Flying Machines, conhecida no Brasil por Esquadrilha Abutre ou Máquinas Voadoras, foi baseada no filme "Esses Homens Maravilhosos e Suas Máquinas Voadoras"(BR) de 1965.
As aventuras de Dick Vigarista e sua Esquadrilha Abutre, caçava frenéticamente o pombo-correio Doodle, que levava mensagens secretas da resistência para os aliados durante a I Guerra Mundial.
Os membros da Esquadrilha Abutre eram Dick Vigarista, Muttley, Klunk e Zilly, além do General que comandava tudo à distância. Dick Vigarista e Mutley também aparecem na série A Corrida Maluca.





Personagens:


Os principais personagens são:

Dick Vigarista: o covarde e incapaz líder da Esquadrilha Abutre do General Orders.



Muttley: ajudante de Dick, sempre em busca de medalhas, sua frase famosa "Medalha, medalha, medalha" e sua risada cínica fizeram sucesso. Graças à sua rotação da cauda sempre consegue pousar sob a terra quando ocorre um acidente aéreo, por isso, Dick, sempre pede sua ajuda "Muttley, faça alguma coisa!".






Zilly: medroso, tímido e obcecado pelo pombo. Quando sente medo esconde-se em seu uniforme de aviador, como uma tartaruga em sua concha ou foge no momento de embarcar no avião, deixando inclusive a sua roupa e sumindo por debaixo da terra. Isso quando não pula da aeronave em pleno vôo. No entanto, ele é necessário para a esquadrilha, porque é o piloto da aeronave e estranhamente, é o único que pode compreender o discurso de Klunk.



Klunk: projeta e constrói as absurdas e incríveis máquinas voadoras que são utilizadas para tentar capturar o pombo, arma modelos bizarros. Como muitos inventores loucos, ele fala em um idioma incompreensível ... a todos, menos a Zilly. Na ausência de Dick, ele assume o comando da esquadrilha.


General: personagem misterioso, nunca foi visto, aparece apenas depois de fracassos do grupo por meio de telefonemas com uma voz gritona. O General é que passa as ordens a esquadrilha, o que obriga Dick a atender constantemente ao telefone.


Pombo Doodle: a verdadeira agonia da esquadrilha, que sempre falha nas missões de capturá-lo. Cruza os céus levando mensagens secretas, possui uma corneta sempre tocada nas horas de perigo.



VAMOS RECORDAR!!!!!

video

A Corrida Maluca





A CORRIDA MALUCA



Wacky Races (Corrida Maluca no Brasil e A Corrida Mais Louca do Mundo em Portugal) foi um desenho animado produzido pela Hanna-Barbera e lançado pela CBS que foi produzido entre 14 de setembro de 1968 a 5 de setembro de 1970, rendendo 34 episódios. Os competidores buscavam o título mundial de "Corredor Mais Louco do Mundo".



Personagens:


Carro 00: A Máquina Malvada (em Portugal) / Máquina do Mal (no Brasil) era pilotada por Dick Detestável (em Portugal) / Dick Vigarista (no Brasil) e por Muttley, seu companheiro canino, que tentam vencer a todo o custo, fazendo todo tipo de trapaças, sem nenhum êxito. Alguns anos mais tarde, a dupla teve direito a um desenho animado solo, chamado Dastardly & Muttley In Their Flying Machines.













Carro 1: O Pedramóbil (em Portugal) / Carro de Pedra (no Brasil) era pilotado pelos Irmãos Rocha, dois homens das cavernas, num carro de pedra, que lembra alguns carros da série Flintstones. O design dos irmãos foi refeito, anos mais tarde e deu origem ao Capitão Caverna (Captain Caveman, em inglês). Batizou o nome de uma banda brasileira.

Carro 2: O Coupé Assombrado (em Portugal) ou Cupê Mal-Assombrado (no Brasil), pilotado pelos Gruesome Twosome (em Portugal) ou Irmãos Pavor (no Brasil), era um carro cercado de fantasmas, que parecia a junção de um carro antigo com uma torre de um castelo da Transilvânia, que oculta no seu interior um dragão, uma serpente marinha, uma bruxa, entre muitas outras criaturas.

Carro 3: O Carro Conversível (em Portugal) / Carro cheio de truques (no Brasil), era pilotado pelo Professor Aéreo (no Brasil) / Professor Patente (em Portugal), um cientista louco, mas com um grande senso de humor. Era visto como rival de Dick Vigarista, pois o seu carro possuía sempre uma invenção que permitia parar as armadilhas feitas por Dick, e algumas vezes dava para chegar em primeiro lugar.

Carro 4: A Lata Escarlate (em Portugal) / Carro voador (no Brasil) era um carro-avião vermelho, pilotado pelo Barão Vermelho (no Brasil) / Max Vermelho (em Portugal), o qual era baseado no famoso aviador. O nome Barão Vermelho deu origem ao nome da banda brasileira Barão Vermelho.

Carro 5: O Gato Compacto (em Portugal) ou Carrinho para Frente (no Brasil) era um carro guiado por Penélope Pitstop (em Portugal) /Penélope Charmosa (no Brasil). Era um carro rosa com linhas femininas, que possuía várias engenhocas que ajudavam Penélope a manter-se bonita durante as corridas. Assim como Dick Vigarista e Muttley, Penélope teve direito a um desenho animado solo, The Perils of Penelope Pitstop.

Carro 6: O Carro Tanque, um carro híbrido, era a junção de um tanque e de um jipe pilotado pelo Sargento Bombarda e pelo Soldado Micas.

Carro 7: O Bomba Bala (em Portugal) ou Carro-a-Prova de Balas (no Brasil), conduzido pela Quadrilha Maravilha (em Portugal) / Quadrilha de Morte (no Brasil), um grupo de simpáticos gangsters. Participaram mais tarde no desenho animado The Perils of Penelope Pitstop, onde Penélope foi a estrela principal.

Carro 8: A Carroça Alentejana (em Portugal) / Carroça à Vapor (no Brasil) era conduzida pelo agricultor Tio Tomás e pelo covarde urso Chorão (no Brasil) / Piurço (em Portugal). Estes personagens foram baseados na Família Buscapé.

Carro 9: O Turbo Terrífico (em Portugal) ou Carrão Aerodinamico (no Brasil) era um dragster pilotado por Pedro Perfeito (em Portugal) /Peter Perfeito (no Brasil), um perfeito cavalheiro. Porém, o seu carro passava a vida a desfazer-se, obrigando Peter a repará-lo constantemente, embora de vez em quando, conseguisse safar-se de algumas situações bastante bizarras, devido ao desenho do seu carro.

Carro 10: O Serromóvel (em Portugal) / Carro-Tronco (no Brasil) era um carro de madeira com rodas que eram serras, pilotado por Rufus Lenhador e pelo seu escudeiro, o castor Serra-Dentuças (em Portugal) / Dentes-de-Serra (no Brasil).
COMENTÁRIO:

A Corrida Maluca foi um dos desenhos que eu mais gostei em minha infância!!!
VAMOS RELEMBRAR!!!!

video